Releases

Home Releases Sebastian Vettel, o melhor da temporada?
Voltar

Sebastian Vettel, o melhor da temporada?

Se depender dos votos computados pelo site oficial da Fórmula 1 – www.formula1.com, Sebastian Vettel é, disparado, o melhor piloto da temporada de 2017 até agora. Em sete provas, a votação online realizada ao longo da corrida, com fãs de cerca de 190 países que recebem imagens do Mundial, Vettel foi o melhor em cinco delas: Austrália, Bahrein, Espanha, Mônaco e Canadá. As duas restantes, China e Rússia, ficaram respectivamente com Max Verstappen e Valtteri Bottas.

A opção por Vettel na corrida deste domingo no circuito Gilles Villeneuve, no Canadá, justificou-se. Sebastian Vettel largou em segundo e acabou sendo obrigado a fazer uma parada no box para trocar o bico depois de um choque com Max Verstappen no início da corrida. Voltou à pista em último lugar. Começou então sua carreira para minimizar ao máximo a chance perdida de lutar pela vitória. Não por acaso, Vettel cravou a melhor volta com o carro equipado com pneus ultramacios (1min14s719). Mas a volta mais rápida da corrida foi de Hamilton com 1min14s551 (com os pneus supermacios). E, sem dar chances aos adversários, foi subindo até chegar ao quarto lugar.

Nessa disputa, Vettel estabeleceu a maior velocidade final, alcançando 344,1 km/h (nesse quesito, chamado de ‘speed trap’, Hamilton foi apenas o 15º com 323,5 km/h).  No ataque que desfechou contra as duas Force India, Esteban Ocon, assustado com a determinação do alemão, acabou errando e saindo da pista. Em seguida, Kimi Räikkönen também se atrapalhou na chicane, facilitando o caminho para o companheiro de equipe ou, simplesmente, deixando-se ultrapassar para garantir mais pontos a Vettel. O quarto lugar manteve o tetracampeão mundial na liderança do Mundial de Fórmula 1, com 12 pontos de vantagem sobre Lewis Hamilton, vencedor da etapa canadense.

A oitava etapa do Mundial da F1 será o GP do Azerbaijão (no ano passado chamou-se GP da Europa), no circuito de rua de Baku, dia 25 de junho. Nessa prova, a Red Bull poderá contar com um carro já modificado e uma nova versão do motor Renault. No sábado, a definição do grid de largada já deverá contar com a penalização do espanhol Carlos Sainz, que perderá três posições. Ele foi considerado culpado pelo acidente no começo do GP do Canadá, que envolveu Romain Grosjean e Felipe Massa. Sainz e Massa acabaram fora da corrida. Grosjean conseguiu permanecer na pista e terminou em 10º lugar.

O Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 acontece nos dias 10, 11 e 12 de novembro no autódromo de Interlagos, em São Paulo. Os ingressos para a corrida, informações e imagens em 360 graus dos setores estão disponíveis no único site oficial do evento: www.gpbrasil.com.br. O GP Brasil também está no Instagram e Facebook: gpbrasilf1.

 

Castilho de Andrade                                     
Diretor de Imprensa do GP Brasil de F1